Mais Música!

sexta-feira, 25 de julho de 2008

Dv Super Interessante

Neste dv tem atividades sobre OLIMPÍADAS, FOLCLORE, e muitas outras cositas super mega interessantes...

http://www.4shared.com/account/dir/6577738/204ea7d7/sharing.html?rnd=48

Crédito: Lilian Moreira Amadei

quinta-feira, 24 de julho de 2008

Projeto Olimpíadas


PROJETO: AS OLIMPÌADAS ESTÃO CHEGANDO!


Justificativa:

Este Subprojeto justifica-se pela proximidade do evento esportivo – Olimpíadas – e pelas possibilidades que se descortinam de desenvolvimento cognitivo, motor, afetivo e social que naturalmente, e pela força da mídia são de interesse das crianças.

Segundo os PCNs para o ensino fundamental a escola tem “a função socializadora que nos remete a dois aspectos: o desenvolvimento individual e o contexto social e cultural. É nesta dupla determinação que nos construímos como pessoas iguais, mas, ao mesmo tempo, diferentes de todas as outras. Iguais por pertencermos à mesma matriz cultural, o que nos permite fazer parte de grupos e compartilhar com outras pessoas um mesmo conjunto de saberes e formas de conhecimento que, por sua vez, só é possível graças ao que individualmente pudermos incorporar. Não há desenvolvimento individual possível à margem da sociedade, da cultura.

Os processos de diferenciação na construção de uma identidade pessoal e os processos de socialização que conduzem a padrões de identidade coletiva constituem, na verdade, as duas faces de um mesmo processo.” (fonte: http://www.zinder.com.br/legislacao/pcn_fund.htm).Na prática podemos traduzir as palavras acima em ações e intervenções pedagógicas que as contemplem.

Consideramos, por exemplo, que as crianças possuam interesse e habilidades distintas no quesito esporte, que cada um de nós expresse e sinta diferentemente a emoção da vitória e da derrota, estas entre outras questões que dizem do desenvolvimento individual, estas têm espaço garantido em uma proposta coletiva, não no sentido de padronizar respostas e conhecimentos, mas no de agregar diferentes desenvolvimentos que colaborem para o crescimento coletivo.Este projeto justifica-se, portanto, por seu caráter cultural, emocional, afetivo, motor, socializador.


Objetivo Geral:

Contextualizar o evento esportivo, estimulando o desenvolvimento motor, cognitivo, afetivo e social.


Objetivos Específicos:

1. Estimular o conhecimento das principais modalidades esportivas: vôlei, basquete, futebol, corrida, salto em distância, arremesso, etc;

2. Estimular a coordenação motora: equilíbrio, freio inibitório, força, resistência, postura, etc;

3. Estimular o fazer em equipe;

4. Estimular a colaboração;

5. Estimular a competição saudável;

6. Estimular a capacidade de lidar com as questões de ganhar e perder;

7. Estimular a imaginação;

8. Estimular e desenvolver a criatividade;

9. Estimular e desenvolver a expressão corporal;

10. Estimular e desenvolver a linguagem verbal;

11. Estimular e desenvolver a expressão de idéias, sentimentos, sensações;

12. Estimular e desenvolver a curiosidade e o interesse por outras culturas;

13. Estimular e desenvolver a capacidade de emitir opiniões e de argumentar;

14. Estimular e desenvolver as habilidades motoras;


Atividades:

1. Álbum esportivo

2. Uso de histórias;

3. Criação de textos;

4. Mini campeonato com as principais modalidades esportivas, tais como vôlei, basquete, futebol, corrida, salto em distância, arremesso, etc.

5. Pesquisa: Como é o país que irá sediar as Olimpíadas de 2008;

6. Pesquisa: Qual esporte meus familiares mais gostam?

7. Hipotetizar e (copiar) os nomes das principais modalidades esportivas e palavras relacionadas;

8. Montar um circuito esportivo na sala;

9. Confeccionar uma mascote das Olimpíadas de 2008;

10. Verificar em um mapa para onde estão indo os atletas brasileiros;

11. Jogos e brincadeiras lógicas-matemáticas envolvendo a quantidade de jogadores, países participantes, forma de contagem da pontuação, etc;


Culminância:

Cerimônia de encerramento do Mini campeonato Olímpico de 2008.


CERIMÔNIA DE ENCERRAMENTO DO MINI CAMPEONATO OLÌMPICO.

• Sala enfeitada com os motivos do Projeto (Inspirados na cultura chinesa)

• Circuito esportivo: Basquete, Futebol, vôlei, etc

• Entrega das medalhas (Neste momento estará tocando a música: Tema da Vitória).


Créditos: Profª tatiana

terça-feira, 22 de julho de 2008

Transformando espaços com luzes e sombras - Cultura Chinesa





Introdução


Uma das características mais fascinantes do Teatro é a possibilidade de criar, com o auxílio de alguns elementos, espaços, atmosferas, mundos diferentes. Assim é que o palco de um teatro ou mesmo um espaço como uma sala pode se transformar num castelo medieval, numa selva misteriosa ou numa paisagem do futuro. Desde cedo as crianças são sensíveis a essas transformações. Criar e recriar, inventar e brincar de estar em outro lugar ou de ser um personagem são características comuns à brincadeira infantil e à arte teatral. E é no aspecto da transformação que se baseia este plano de trabalho.


Objetivos
Participar e assistir a um teatro feito com sombras

Conteúdos
- Transformação de espaços
- Teatro de Sombras
- Pesquisa de luzes e sombras
Anos
0 a 6 anos

Tempo estimado
30 minutos

Material necessário
- Barbante
- Lençóis brancos velhos
- Lanternas de vários tipos
- Bacias
- Água
- Escorredor de pratos, ralador, escorredor de macarrão e outros objetos “vazados”
- Sucatas diversas, como caixa de ovos, garrafas pet e outros materiais transparentes
- Papel cartão preto
- Papel celofane
- Tesoura
- Cola

Desenvolvimento da atividade
1 - Prepare a sala: para o teatro de sombras você vai precisar afastar os móveis da sala e estender, com o auxílio de barbantes, um ou mais lençóis brancos de um ponto a outro do espaço, como uma tela esticada. Apague então a luz e acenda uma ou várias lanternas. Essa simples intervenção já é deliciosa e provocativa para as crianças. Algumas podem assustar-se ou chorar; é importante que o professor perceba e respeite a emoção dos pequenos. Nesse momento, é o professor quem “atua” no teatro, aproximando e afastando o foco das lanternas do lençol. Faça sons, cante ou convide as crianças a ajudar na “sonoplastia”. Esse primeiro momento é de aproximação e exploração!

2- O teatro de sombras tradicional utiliza figuras recortadas minuciosamente em papel cartão preto, representando personagens. Você pode fazer o mesmo e ter uma coleção de figuras mais estruturadas para contar histórias conhecidas para as crianças. Mas, nesta atividade, o mais importante é criar formas inusitadas, pesquisar o efeito da luz e da sombra, modificar o espaço e brincar com novas possibilidades de produzir sombras com as crianças. Por exemplo: objetos vazados, como um escorredor de pratos, um ralador de queijo ou uma caixa de ovos furada produzem formas misteriosas ou sugestivas à luz da lanterna. Se a fonte de luz está fixa num único lugar, afastar e aproximar os objetos gera efeitos incríveis, principalmente se eles estiverem embrulhados em papel celofane. O mesmo acontece com objetos transparentes, como uma garrafa pet cheia de água colorida com anilina, ou mesmo uma bacia de água, que, quando iluminada, produz uma sombra cheia de movimento, que se modifica quando mexemos na água.

3 – Repita a atividade num outro dia. Organize o espaço com a ajuda das crianças. Uma boa idéia também é que cada uma tenha a sua própria pequena lanterna para suas pesquisas. 4 – No momento de Artes Visuais, convide as crianças a desenhar diferentes formas em papel cartão preto. Oriente-as com relação ao tamanho, para que não fiquem muito pequenas. Importante: não é preciso, necessariamente, que as crianças desenhem figuras humanas ou bem-acabadas. Formas abstratas também produzem lindas sombras! Se as crianças ainda não puderem recortar, faça isso para elas e “vaze” as figuras, fazendo recortes dentro delas. Peça às crianças que preencham os espaços vazados, colando pedaços de papel celofane. Pronto! Agora vocês podem explorar as figuras criadas à luz da lanterna, e até mesmo criar uma história com elas. 5 – A proposta do teatro de sombras pode ser repetida muitas vezes. Alterne a possibilidade das crianças serem platéia (quando você ou um grupo de crianças está “por trás do lençol”) ou serem atores (quando a “apresentação” é responsabilidade das crianças, individualmente ou em pequenos grupos).
É como diz o documento Orientações Curriculares – Expectativas de Aprendizagens e Orientações Didáticas para a Educação Infantil da Secretaria Municipal de Educação de São Paulo: “A percepção entre o faz-de-conta e o teatro não acontece naturalmente. É o professor quem nomeia o faz-de-conta organizado como teatro e contextualiza as experiências das crianças como teatrais, organizando-as intencionalmente e incentivando-as a fazer e/ou assistir.”

Avaliação
Nesta atividade, fica muito evidente o quanto o professor medeia a aprendizagem dos pequenos. Porém, isso não significa que ele esteja fazendo tudo por eles. Por serem tão pequenas, as crianças vivem a experiência do teatro como integrada a todas as outras, como a brincadeira, a expressão plástica, o movimento. Mesmo assim, o professor pode observar se e o quanto as crianças participaram das atividades, se se interessaram pela pesquisa das sombras ou pelas descobertas dos colegas. O parâmetro de avaliação é perceber se as crianças envolveram-se de verdade nessa experiência conjunta e puderam criar algo que lhes agradou e que fez sentido para elas, ao contrário da tradição de representar pecinhas decoradas e cheias de texto, de cuja autoria não participam.

Revista Nova Escola - Ed.181 - 2005 Especial da China

Olimpíadas 2008



Jogos Olímpicos - Pequim 2008

Você está preparado para esta Olimpíada?

Os Jogos Olímpicos de Verão de 2008 serão realizados em Pequim, na República Popular da China, de 8 a 24 de Agosto de 2008, com a cerimônia de abertura marcada para acontecer às 8:08 da noite em 8 de Agosto de 2008 (o número 8 tem significado de prosperidade na cultura chinesa).

Os Jogos Olímpicos de Pequim-2008 terão cinco mascotes:Bei, Jing, Huan, Ying, Ni
A palavra mascote surgiu na década de 1860 e vem do provençal "masco", que significa mágico).
Cada sílaba separadamente forma a expressão "Bem-vindos a Pequim". O quinteto simboliza os cinco elementos da natureza: o mar, a floresta, o fogo, a terra e o céu.


Veja os mascotes e seus significados!

Em 11 de Novembro de 2005 as mascotes dos Jogos Olímpicos foram apresentadas ao público. A data da revelação das mascotes olímpicas não foi escolhida por acaso. Faltavam exatos mil dias para o início dos Jogos Olímpicos de Pequim.Os "Fuwa" são as mascotes dos Jogos Olímpicos de Verão de Pequim 2008. Fuwa significa "Crianças de boa sorte" em mandarim. O nome das cinco mascotes são repetições das sílabas da frase "Beijing huanyíng ni" (Pequim lhes dá as boas-vindas). Cada uma das mascotes representa um dos elementos tradicionais chineses (metal, madeira, água, fogo e terra), além das cinco cores dos anéis olímpicos (amarelo, azul, verde, vermelho e preto) e figuras e animais característicos da China.

Huanhuan
Sexo da mascote: masculino
Cor da mascote: vermelho
Símbolo: chama olímpica
Personalidade: entusiasmo
Ideal: paixão
Esportes: esportes com bola (futebol, basquetebol, handebol, etc.)
Inspiração: desenhos de chamas nas Grutas de Mogao, também conhecidas como "Cavernas dos Mil Budas" foram declaradas patrimônio da humanidade pela UNESCO em 1987)
Notas: Huanhuan representa o Lema Olímpico "Citius, Altius, Fortius" (Mais rápido, mais alto, mais forte).

Beibei
Sexo da mascote: feminino
Cor da mascote: azul
Símbolo: peixe
Personalidade: generosidade e pureza
Ideal: prosperidade
Esportes: esportes aquáticos
Inspiração: imagens decorativas do Ano novo chinês
Notas: na cultura tradicional chinesa o peixe representa a prosperidade. O ideograma chinês para peixe é parecido com o da abundância.

Yingying
Sexo da mascote: masculino
Cor da mascote: amarelo
Símbolo: antílope-tibetano
Personalidade: vivacidade e astúcia
Ideal: saúde
Esportes: atletismo
Inspiração: costumes do Tibete e Xinjiang (regiões autônomas do oeste da China)
Notas: o antílope-tibetano é uma espécie ameaçada de extinção e símbolo do Tibet.

Jingjing
Sexo da mascote: masculino
Cor da mascote: preto
Símbolo: panda
Personalidade: honestidade e otimismo
Ideal: felicidade
Esportes: halterofilismo, judô, etc.
Inspiração: panda gigante, Dinastia Song e porcelanas antigas
Notas: o panda é uma espécie ameaçada de extinção e um símbolo da China. Representa a coexistência entre a humanidade e a natureza.

Nini
Sexo da mascote: feminino
Cor da mascote: verde
Símbolo: andorinha
Personalidade: inocência
Ideal: boa sorte
Esportes: ginástica
Inspiração: as andorinhas e as pipas (papagaios) chinesas
Notas: na cultura chinesa a andorinha é considerada a mensageira da primavera, simbolizando boa sorte. O ideograma chinês para andorinha é usado também no ideograma Yanjing, antigo nome de Pequim. Nini usa uma pipa chinesa em formato de andorinha em seu chapéu.

Curiosidades sobre as mascotes
Em inglês são chamados de The Friendlies (Os Amistosos).
As mascotes das Olimpíadas de Pequim foram apresentadas a 1.000 dias do início dos Jogos Olímpicos de Pequim.Três mascotes são masculinos (Jingjing, Huanhuan e Yingying) e dois são femininos (Beibei e Nini). Duas mascotes representam espécies ameaçadas de extinção (panda gigante e antílope-tibetano).
Em agosto de 2007 foram lançados na China 100 episódios de desenho animado com as mascotes das Olimpíadas de Pequim 2008. Alguns dados sobre a China Com um território de grande extensão, um passado historicamente rico e uma população de 1,3 bilhões de habitantes, a China possui uma importante diversidade cultural.
Por ser um país que apresenta um grande crescimento da economia, na atualidade, a China atrai olhares de pessoas do mundo todo, que buscam informações sobre seus aspectos culturais. Na atualidade, este país mescla a cultura tradicional com a modernidade.


História

Tudo começou na Grécia antiga onde eram realizados festivais esportivos em homenagem a Zeus, o mais importante deus que os gregos adoravam.
A primeira Olimpíada que se tem notícia foi realizada em 776 a.c. A partir desta data ficou acertado que os jogos aconteceriam a cada 4 anos durante os meses de julho e agosto. Os jogos eram sempre realizados na cidade de Olímpia, dai então surgiu o termo Olimpíadas!
As Olimpíadas sempre foram um sucesso, todos os gregos se preparavam para esta grande festa com muito entusiasmo!
Até que um dia um Imperador chamado Teodósio I cancelou os jogos. Isso porque ele proibiu a adoração aos deuses, e como os jogos eram realizados em sua homenagem, acabou-se a festa. Foi uma grande tristeza para os desportistas...Foi só em 1896 que o francês Barão de Coubertin, conhecido por ser amante dos esportes e autor da famosa frase "O importante não é vencer, mas competir", conseguiu realizar a primeira Olimpíada da era moderna.
Desde então, assim como na antiguidade, a cada 4 anos os jogos são realizados. A cada edição um país é escolhido para sediar os Jogos Olímpicos, que ficam orgulhosos em receber os atletas de todo o mundo nesta festa maravilhosa de união entre os povos.

Vamos conferir alguns dados importantes ?

É a 28ª edição dos Jogos Olímpicos
São 16 dias de disputas
201 países participam da festa
Contamos com 10.500 atletas
Teremos 301 provas
38 locais diferentes para competições
3.410 medalhas serão distribuídas

Curiosidades

No início apenas homens participavam dos jogos. Foi apenas em 1928, nos jogos olímpicos de Amsterdã, que as mulheres tiveram a sua primeira participação.
A primeira olimpíada em que o Brasil participou foi em 1920, nos jogos olimpícos de Antuérpia, na Bélgica, com 29 atletas.
O juramento olímpico "Em nome de todos os competidores prometo que participaremos nestes Jogos Olímpicos respeitando e cumprindo suas regras, com verdadeiro espírito esportivo, para maior glória do esporte e honra de nossas equipes" surgiu nas olimpíadas da Antuérpia em 1920.

Significado da bandeira olímpica:

O fundo branco representa a paz, os anéis cada um de uma cor diferente, representa os continentes: azul (Europa), amarelo (Ásia), preto (África), verde (Oceania) e vermelho (América).
Depois de 108 anos, Atenas volta a sediar uma Olimpíada.
O governo grego investiu 4,6 bilhões de euros na construção de novos estádios e ginásios.
Hilda Von Puttkamer foi a única esgrimistas brasileira a representar o Brasil nas Olimpíadas de Berlim em 1936. Nesta olimpíada o Brasil volta com as esgrimistas Élora Pattaro e Maria Júlia Herklotz.
A Grécia ocupa atualmente a 15ª colocação entre as nações que mais recebem turistas no mundo. Mais de 290 mil árvores foram plantadas em Atenas para as olimpíadas.
Nas olimpíadas de 1904, o corredor norte-americano Fred Lorz chega em primeiro lugar, mas foi desmascarado. Ao chegar na marca dos 10 km, Lorz subiu em um carro que o transportou até perto do estádio.
Nas olimpiadas de toquio em 1964 a australiana Dawn Fraser, dias após ganhar sua terceira medalha nos 100 metros, foi pega roubando a bandeira olímpica do palácio emperial.
Em 1932 nas olimpíadas de Los angeles, na equipe de esgrima da Austrália, competiu um atleta chamado Errol Flyn. Não conseguiu nenhuma vitória esportiva, mas teve a sorte de ser contratado pelos estúdios de Hollywood. Se tornou um grande astro protagonindo filmes como Robin Hood e outros.
O Barão de Coubertin gastou praticamente toda sua fortuna para colocar em prática o sonho da Olimpíada. Faleceu em 2 de setembro de 1937. Como forma de reconhecimento, seu coração foi transportado para Olímpia, onde repousa até hoje em um mausoléu.
Muitos esportes foram excluídos das olimpíadas como: patinação no gelo, esqui aquático, golfe, hóquei sobre patins entre outros.
As Olimpíadas chegaram ao terceiro mundo em 1968 na altitude de 2.240m acima do nível do mar na Cidade do México.
Não houve as olimpíadas de 1916 devido a I Guerra Mundial, que aconteceu entre 1914 e 1918.
Em 1956 a cidade australiana, Melbourne, levou a melhor sobre Buenos Aires e conquistou o direito de organizar a primeira edição dos Jogos no hemisfério sul.

Modalidades esportivas que serão disputados nos Jogos Olímpicos de Verão, em Pequim:

Atletismo
Badminton
Basquete
Beisebol
Boxe
Canoagem
Ciclismo
Esgrima
Futebol
Ginástica
Halterofilismo
Handebol
Hipismo
Hóquei sobre grama
Judô
Nado Sincronizado
Natação
Pentatlo moderno
Pólo aquático
Remo
Saltos ornamentais
Softbol
Taekwondo
Tênis
Tênis de mesa
Tiro
Tiro com arco
Triatlo
Vela
Vôlei
Wrestling

Metas para o 1º Ano (6 anos)


Linguagem Oral e Escrita:
  • -Fazer intercâmbio oral, ouvindo com atenção e formulando perguntas;
  • -Ouvir com atenção textos lidos;
  • -Ler textos conhecidos, como parlendas, adivinhas e canções;
  • -Conhecer e recontar repertório variado de textos literários;
  • -Escrever texto de memória de acordo com sua hipótese de escrita;
  • -Escrever seu nome e utilizá-lo como referência para a escrita;
  • -Conhecer as repreentações das letras maiúsculas do alfabeto de imprensa;
  • -Localizar palavras em textos;
  • -Escrever usando hipótese silábica, com ou sem valor sonoro convencional;
  • -Reescrever ditando textos conhecidos;
  • -Revisar textos coletivamente,apoiado em leitura em voz alta feita pelo professor;

Matemática

  • -Ampliar os conhecimentos dos números;
  • -Contar oral e mentalmente objetos;
  • -Utilizar estratégias pessoais para resolver problemas que envolvam as quatro operações;
  • -Indicar o número certo quando houver poucos objetos;
  • -Ler mapas e plantas baixas simples;
  • -Identificar e representar semelhanças e diferenças entre formas geométricas;
  • -Montar e desmontar embalagens tridimensionais;
  • -Usar o calendário;
  • -Comparar, identificar e estimar grandezas (comprimento, massa,temperatura e capacidade) e iniciar o uso de instrumentos de medidas;
  • -Começar a usar e a fazer tabelas simples.

Este documento foi retirado da REVISTA NOVA ESCOLA que se baseou nas diretrizes curriculares feitas pela secretarias da Educação do estado e do município de São Paulo.

segunda-feira, 21 de julho de 2008

Desafio Pessoal

ESTE DESAFIO, foi proposto pela
Bruna - Pedagogia do afeto.
http://pedagogiadoafeto.blogspot.com/

A brincadeira é você responder rapidamente as perguntas no seu blog, depois, escolher 5 amigas blogueiras, para que façam o mesmo, desta forma você visita os blogs que foram indicados junto com você e, de quebra, visita os que indicou para avisá-los do desafio.
VAMOS LÁ?

DESAFIO PESSOAL!
1. O que eu estava fazendo há 10 anos atrás?
Há 10 anos atrás eu estava com 17 anos, e estava fazendo magistério, porém já trabalhava na mesma escola onde estudava como eventual e aplicando um Projeto de Estimulação Pedagógica com alunos que tinha déficit de aprendizagem.

2. Quais são as coisas que vc tem na sua lista pra fazer hoje? (relatar pelo menos cinco coisas)
Já é de noite então vou relatar as coisas que fiz durante o dia...acordei tarde, porque afinal de contas hj é meu primeiro dia de recesso. Arrumei a casa, e fui passear com meu filhote, fomos no shopping e ele brincou nos brinquedos, depois ao cinema assistimos o Panda Kung Fu (muito legal) Voltamos pra casa e jantamos e agora estou aqui vendo as novidades do Blog.

3.petiscos que vc gosta:
Todos, comer é muito bom e besteira então nem se fale.

4. Coisas que eu gostaria de fazer se fosse bilionária
Compraria minha casa, daria uma de presente pra minha mãe e outra pra minha sogra. Depois investiria meu dinheiro em vários projetos Educacionais e de geração de renda contemplando faixas etárias diversificadas.

5. Lugares que já morei:
Sou meio nômade durante a infância mudei muito mas sempre pra mesma cidade, depois que cresci ai já viu comecei a pular de cidade...Santos, Cubatão, São vicente e São Sebastião e voltei este ano pra São Vicente.
Agora passo este desafio para:

segunda-feira, 14 de julho de 2008

Projeto "CONTADOR MIRIM"

O Projeto está linkado a um outro Projeto chamado "Beabá da Leitura e escrita" da Secretaria de Educação da Cidade onde leciono.
Resolvi criar mais este Projeto (Contador Mirim) afim de incentivar a leitura e o reconto de histórias clássicas.

O desenvolvimento é simples:

Faço a Contação utilizando somente o livro, depois reconto com diversos materiais ilustrativos (dedoches, fantoches, cartazes, ...).
Na outra etapa, alunos voluntários vão às salas dos Berçários e Inf. I para realizarem a Contação para as crianças menores.

Hoje foi nossa primeira experiência na Contação para os pequenos e, tenho que relatar que foi fantástica!!!
Tivemos receptividade na sala visitada; os alunos tímidos estão começando a mostrar interesse em ser um Contador de Histórias; e as meninas que contaram deram um SHOW de Contação.

terça-feira, 8 de julho de 2008

Dia dos Pais (algumas dicas)


RECEITA PARA TODOS

Vide Bula


PAI – UM SANTO REMÉDIO

APRESENTAÇÃO – PAI vem em embalagens de diversos tamanhos e pesos.

USO – Adulto e pediátrico

COMPOSIÇÃO

Cada 100 gr. De PAI possui em média:
*10gr. De carinho,
*10gr. De compreensão,
*10 gr. De sinceridade,
*10gr. De paciência,
*0,0003gr. De broncas e
*50 gr. De muito amor com firmeza...

PRAZO DE VALIDADE – PAI tem prazo de validade indeterminado.

INDICAÇÕES – Recomenda-se o uso de PAI caso sejam verificados sintomas como: mau humor, brigas com o(a) namorado(a) . Decisões importantes, dúvidas cruéis, falta de grana, carência afetiva, falta de carro, baixo astral.

CONTRA INDICAÇÕES – PAI não deve ser administrado em caso de notas baixas.

PRECAUÇÕES: Este produto pode causar dependência. Cuidados na interrupção no tratamento (principalmente nas férias). O uso prolongado de PAI, às vezes parece prejudicial, pode interromper bruscamente o tratamento, inclusive por motivo de viagem. Os primeiros dias de ausência do PAI, parecem maravilhosos mas crises agudas são freqüentemente detectadas.Volte logo ao uso.

POSOLOGIA:

CRIANÇAS E ADOLESCENTES – use e abuse de PAI, quanto mais usar, melhor.
ADULTOS – “Não fique acanhado”, não é vergonha nenhuma usar o PAI depois de crescido. E lembre-se ”PAI é como pijama. Quanto mais velhinho, mais macio fica.”

ESTE MEDICAMENTO DEVE SER MANTIDO AO ALCANCE DAS CRIANÇAS.
Siga corretamente o modo de usar.Se não desaparecerem os sintomas, procure orientação de MÃE.
(Autor desconhecido)



CARTA DE UM PAI PARA SEU FILHO

Quando derramar comida sobre minha camisa e esquecer como amarrar meus sapatos, tenhas paciência comigo e lembra-te das horas em que passei te ensinando a fazer as mesmas coisas. Se quando conversares comigo, eu repetir as mesmas histórias, que sabes de sobra como terminam, não me interrompas e me escute.
Quando eras pequeno, para que dormisses, tive que te contar milhares de vezes a mesma história até que fechasses os olhinhos.
Quando estivermos reunidos e sem querer fizer minhas necessidades, não fiques com vergonha. Compreendas que não tenho culpa disso, pois já não as posso controlar. Penses, quantas vezes, pacientemente, troquei tuas roupas para que estivesses sempre limpinho e cheiroso.
Não me reproves se eu não quiser tomar banho, sejas paciente comigo. Lembra-te dos momentos que te persegui e os mil pretextos que inventava pra te convencer a tomar banho.
Se em algum momento, quando conversarmos, eu me esquecer do que estávamos falando, tenhas paciência e me ajude a lembrar. Talvez a única coisa importante pra mim naquele momento seja o fato de ver você perto de mim, me dando atenção, e não o que falávamos.
Se alguma vez eu não quiser comer, saibas insistir com carinho. Assim como fiz contigo. Também compreendas que com o tempo não terei dentes fortes, e nem agilidade para engolir.
E quando minhas pernas falharem por estar tão cansadas, e eu já não conseguir mais me equilibrar... Com ternura, dá-me tua mão para me apoiar, como eu o fiz quando tu começastes a caminhar com tuas perninhas tão frágeis.
E se algum dia me ouvires dizer que não quero mais viver, não te aborreças comigo. Algum dia entenderás que isto não tem a ver com teu carinho ou com o quanto te amo.
Sempre quis o melhor para ti e sempre me esforcei para que teu mundo fosse mais confortável, mais belo, mais florido.
Não te sintas triste ou impotente por me ver assim.
Não me olhes com cara de dó.
Dá-me apenas o teu coração, compreenda-me e me apoie como o fiz quando começastes a viver. Isso me dará forças e muita coragem.
Da mesma maneira que te acompanhei no início da tua jornada, te peço que me acompanhes para terminar a minha.
Trata-me com amor e paciência, e eu te devolverei sorrisos e gratidão, com o imenso amor que sempre tive por ti.

Assinado: Teu Pai



PEZINHOS TROCADOS

ERA UMA VEZ ,COMO MUITAS OUTRAS VEZES...VIVIA, NUMA CIDADE MODERNA, UM PAIZINHO QUE SE LEVANTAVA MUITO CEDO E CHEGAVA MUITO TARDE DO TRABALHO.
ELE QUASE NÃO VIA OS SEUS MUITOS FILHOS ACORDADOS PARA CONVERSAR, COMO FAZIAM OS PAIS E OS FILHOS ANTIGAMENTE.
SEM JAMAIS TER SE CONFORMADO COM A FALTA DOS PULOS DOS FILHOS NO SEU PESCOÇO, QUE QUASE O LEVAVAM AO CHÃO, E DE SER PUXADO POR OUTROS PELAS MÃOS, PENSOU EM COMO SUBLIMAR ESSE DESEJO DE CONVERSAR COM OS FILHOS, ACARICIÁ-LOS AO SAIR E AO CHEGAR.
COMBINOU COM AS CRIANÇAS QUE , QUANDO PARTISSE PARA O TRABALHO E AO RETORNAR, ALÉM DE BEIJAR SEUS ROSTINHOS, TROCARIA OS PEZINHOS DE SEUS CHINELINHOS DE LUGAR.
COM ESSE GESTO, ESTARIA DIZENDO:- PAPAI AMA MUITO VOCÊS, SEJAM OBEDIENTES, FELIZES E SORRIDENTES, TENHAM UM BOM DIA, DEUS OS ABENÇOE, FILHOS QUERIDOS.
E QUEM ENCONTRAR SEUS CHINELINHOS DESEJARÁ UM BOM DIA AO SEU IRMÃOZINHO.
OS FILHOS JÁ ACORDAVAM RINDO, PORQUE PROCURAR SEUS CHINELOS ERA COMEÇAR O DIA BRINCANDO.



DIA DOS PAIS

Objetivos:
-Valorização da figura paterna;
-Estimular a expressão da linguagem oral;
-Reconhecer as qualidades dos pais;
-Desenvolver a criatividade da criança;
-Estimular o raciocínio e a atenção;
-Relacionar-se com a figura paterna ou a ausência dela.

Desenvolvimento
Algumas atividades:

-Para começar, lembre às crianças da data que se aproxima.
-Pergunte as crianças o que gostam de fazer com seus pais. Pode ser interessante ter previamente recortadas algumas imagens de cenas e objetos para ilustrar a discussão (bicicletas, pais com filhos brincando no parque, uma família tomando café da manhã, etc.). Quanto mais idéias surgirem neste momento, melhor, pois as idéias de uma criança podem ajudar a outra a se lembrar de momentos gostosos.
- Sugira que as crianças entrevistem os pais. Elas podem perguntar qual é o esporte preferido dele, o prato que mais gosta, qual o lazer favorito e que revistas ou jornais ele lê.
- Promova dramatizações da profissão dos pais. As crianças podem também realizar pantomimas representando o pai triste, zangado ou alegre.
- Explore canções, poemas e livros que falam da figura paterna.

- Monte mural ou cartazes
- Confeccione cartões, diplominhas, acrósticos com o nome do papai, jogo da memória;

- Estimule as crianças a desenharem seus pais ou famílias;

- Incentive-as a confeccionarem lembrancinhas para presentear os pais, como marcadores de página, em que as crianças;desenham e escrevem o que quiserem. Pode-se também, colocar uma foto ou desenho da criança nele. Desenhos para ao papai;

- Trabalhar a figura humana do pai, Orar pelos Papais da creche;

- Cantar, recitar e fazer atividades de recorte, modelagem, desenho livre ou pintura, ligados ao tema.




Autoria: wata-eh-legal.blogspot.com

sábado, 5 de julho de 2008

Desculpem o sumiço


Mas estávamos bastante atrapalhadas lá na Escola nesses últimos dias.

Em breve responderei os pedidos dos Projetos "Minha Cidade" e "Primavera"....não esqueci de vocês!!!!!!


Beijocas e obrigada pelas visitas